Compartilhe esse artigo:

É bastante comum pensarmos certas coisas sobre a cultura da França e dos seus moradores, mas será que elas correspondem à realidade? Neste artigo, você vai ir além desses 10 clichês sobre os franceses e aprofundar seus conhecimentos sobre a cultura francesa. C’est parti ? Allons-y ?

1 – Os franceses são rudes e arrogantes

Essa impressão pode vir de diferentes experiências. Por exemplo, algum turista na França que tenta falar em inglês e não recebe a resposta do jeito esperado. Isso porque nem todos os franceses possuem o domínio da língua inglesa. Alguns até a consideram bastante difícil de pronunciar.


Outra diferença cultural com o Brasil, por exemplo, é que os franceses podem parecer mais discretos em seus gestos e na sua forma de falar. Outra coisa é que na cultura francesa algumas coisas podem ser ditas de forma mais direta ou até crítica, sem que isso seja necessariamente um problema.

Leia também: Diálogo básico em francês: exemplos para conversar com nativos.

2 – Os franceses comem croissants e baguetes todos os dias

Isso pode sim ser verdadeiro, principalmente para a baguete, que não só pode ser consumida no café da manhã, mas também como acompanhamento durante um almoço ou janta e até no lanche da tarde. Já o croissant é uma das opções quando se vai até uma “boulangerie” (padaria) para comprar algo de manhã. Mas existem outras especialidade, como o “pain au chocolat”/”chocolatine”, que é um pão de massa folhada com pingos de chocolate dentro!

Além disso, muitas pessoas comem frutas e cereais no café da manhã, sem necessariamente consumir algo da padaria. 🥖 Para saber mais, leia: As refeições francesas mais comuns do dia a dia.

3 – Os franceses são obcecados por queijos e vinhos

Ok, não podemos negar que a França é um dos maiores produtores de queijo e de vinho do mundo! Em um supermercado francês, você vai encontrar uma variedade enorme desse produto e geralmente com preços mais baratos do que no Brasil.

No entanto, os franceses também gostam de beber cerveja e produzem suas próprias marcas da bebida, como 1664, Goudale e Pelforth. Sobre a culinária, há uma enorme produção de “charcuterie” (embutidos), que é bastante consumida pelos franceses também, principalmente no momento do “apéro” (aperitivo).

4 – Os franceses fumam bastante

Muitos brasileiros têm essa impressão quando vão à França, principalmente quando reservam uma mesa em uma “terrasse” francesa, na calçada do lado de fora, onde é permitido fumar. Além dos cigarros “comuns”, muitos franceses também enrolam seus próprios cigarros, comprando separadamente o tabaco, a folha e o filtro. O uso de cigarros eletrônicos também aumentou bastante na França nos últimos anos.

Estima-se que no Brasil, a porcentagem de pessoas fumantes, em relação ao total da população, é de 9%. Já na França, esse número chega a 25% em adultos a partir de 18 anos.

5 – Os franceses são românticos

A língua francesa é considerada por muitos a “língua do amor”, sem contar a imagem romântica que muitas pessoas têm de Paris e dos franceses no geral. Isso faz muitas pessoas acreditarem que os franceses sejam mais respeitosos ou românticos. Em alguns casos, isso pode até fazer sentido.

Uma matéria da revista francesa Elle afirma que 77% dos franceses acreditam em amor à primeira vista. Dentre eles, 85% acreditam que isso pode acontecer a qualquer momento, em qualquer lugar e a qualquer hora.

😍 Leia também: Como fazer uma declaração de amor em francês?

6 – Os franceses são estilosos

Essa fama vem dos grandes nomes franceses no universo da moda, como Louis Vuitton, por exemplo. Temos a impressão de que tudo que é “a última moda em Paris” é chique e estiloso. De forma geral, os franceses se vestem de forma simples, porém elegante, sem abusar de cores muito vivas.

As mulheres francesas muitas vezes saem sem maquiagem, com cabelos ao natural e roupas confortáveis. O que pode às vezes trazer a ideia de elegância na França também é o fato das pessoas terem, na maior parte das vezes, uma aparência magra, o que corresponde a um padrão de beleza mais europeu.

🛍 Leia também: Como fazer compras em francês?

7 – Os franceses são rivais do ingleses

Algumas pessoas acreditam que isso seja verdade, em certos contextos. Desde a Idade Média, a França e a Inglaterra possuem conflitos (como a Guerra de cem anos) políticos e econômicos. No século XIX, os dois países se disputavam por ilhas no oceano índico, como as ilhas Maurício, colonizada pelos ingleses e a ilha da Reunião, atual departamento francês. Mais atualmente, a saída da Inglaterra da União Europeia gerou também alguns conflitos com os franceses.

Em alguns momentos da história, os ingleses já foram apelidados pelos franceses de “les rosbifs”, de forma pejorativa. No entanto, muitos cidadãos da França não possuem esse olhar e, ao contrário, admiram e cultivam boas relações com os moradores da Inglaterra.

🇫🇷 Leia também: 10 fatos surpreendentes sobre a França.

8 – Os franceses são intelectuais

Essa ideia vem do fatos de muitos escritores e filósofos franceses se tornarem referência mundial, como Rousseau, Deleuze, Proust ou o Antoine de Saint-Exupéry, autor do Pequeno Príncipe. Além disso, a educação e a leitura são coisas geralmente bem valorizadas na França. Todos os anos, no mês de setembro, existe a “rentrée littéraire”, que é a época que agrupa diversos lançamentos de livros ao mesmo tempo e é esperada por muitos leitores franceses.

Na maior parte das casas francesas, existe uma biblioteca pessoal. A prática de clubes de leitura e emissões que falam sobre livros é um pouco mais comum na França do que no Brasil, por exemplo. Algumas editoras também oferecem livros de qualidade, mas com um impressão simples e com preço mais acessível.

🤓 Leia também: Ler em francês: 4 passos simples.

9 – Os franceses trabalham pouco

Isso porque a jornada de trabalho em tempo completo na França é de 35 horas, ou seja, mais baixo do que em muitos outros países. Além disso, alguns profissionais, como os professores, por exemplo, possuem diversas férias remuneradas ao longo do ano escolar.

Certas pessoas dizem que os franceses não vivem para trabalhar e que sabem aproveitar a vida, com os famosos “apéros” no final do dia e os auxílios sociais que o Estado francês oferece. No entanto, isso muitas vezes não corresponde à realidade, existindo ainda diversas pessoas na França que trabalham em condições nem um pouco satisfatórias e que não ganham o suficiente para viver de forma digna.

💼 Leia também: Como é o mundo do trabalho na França?

10 – Os franceses gostam de fazer passeatas

“É melhor a greve do que uma aposentadoria de miséria”

É verdade que a greve, sendo um direito constitucional francês, é usada e abusada pelos trabalhadores franceses que se sentem injustiçados pelas medidas tomadas por seus superiores ou mesmo pelo Estado francês.

Em 2023, por exemplo, diversas greves e paralisações foram organizadas por profissionais dos serviços de transporte e eletricidade como forma de protesto à reforma da aposentadoria na França. Essa mudança acarreta, entre outras coisas, uma chegada tardia aos direitos de aposentaria no país.

Aprender francês para sair dos clichês

Em resumo, os clichês sobre os franceses não refletem a complexidade da cultura francesa. A França é um país diverso e rico em tradições culturais, e sua população é tão variada quanto qualquer outra. Se você está interessado em aprender mais sobre a cultura francesa, uma ótima maneira de começar é aprender a língua francesa.

Então, por que não começar agora?

🎁 Acesse nosso Minicurso de Francês Gratuito. Com ele, você terá acesso aos princípios do Método Afrancesados com Roberta (brasileira) e Emil (francês) e dará seus primeiros passos rumo ao domínio do Francês da Vida Real®.

Compartilhe esse artigo:

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.