Quais os principais jornais e canais de televisão franceses? Qual rede social é mais usada na França? Neste artigo, você vai conhecer os principais meios de comunicação utilizados pelos franceses e também terá acesso direto a esse material. 

Assim, você terá fontes confiáveis e atualizadas para estudar a língua e a cultura francesas. Tudo com referências do Francês da Vida Real®, ou seja, a linguagem realmente usada pelos nativos e com a qual você vai se deparar ao chegar em um país francófono. 

C’est parti ? Allons-y ! 

Jornais franceses

O jornal diário

O jornal diário, chamado de quotidien, é encontrado em formato impresso ou online e é disponibilizado todos os dias na França. Ele cobre notícias geralmente mais imediatas, complementadas com artigos e rubricas culturais e esportivas. Alguns desses jornais não saem aos domingos.

Muitos deles são gratuitos e distribuídos no transporte público, como o 20 Minutes

Os jornais nacionais 

Roberta lendo o jornal “Le Monde” enquanto toma seu café

São jornais que, além de serem diários, circulam por todo o país, com temas que priorizam a economia e a política nacional, a relação entre a França e os países estrangeiros. 

A maioria desses grandes jornais são pagos, mas alguns artigos ou notícias são disponibilizados na íntegra. Além disso, geralmente é possível aproveitar de um período de teste gratuito.

Os principais jornais nacionais franceses são:

Os jornais satíricos

A França tem uma longa tradição de jornais satíricos que exercem crítica social através do humor. Nesses jornais, as ilustrações e as caricaturas ocupam um espaço de destaque tanto nas capas como dentro das matérias.

Essas publicações explicitamente satíricas já eram conhecidas no século XIX na França, como Le Rire e La Caricature. Algumas delas foram censuradas ou proibidas de circular na época. 

Até hoje, nos deparamos com episódios polêmicos e até dramáticos em torno desses meios de comunicação. Em 2015, diversos profissionais do famoso Charlie Hebdo foram assassinados ao mesmo tempo nos escritórios da sede do jornal. Tratava-se de um ataque previamente organizado.

Muitas pessoas adotaram na época o slogan “Je suis Charlie“, não apenas em solidariedade com aqueles que morreram no ataque, mas também para mostrar apoio à liberdade de expressão da mídia francesa. 

Outro jornal satírico com grande visibilidade na França é o Le Canard Enchaîné, publicado todas as quartas-feiras desde 1915!  

Os jornais regionais na França

O jornal regional cobre tanto notícias nacionais como locais, ou seja, sobre uma cidade ou região específica. O Le Parisien, por exemplo, cobre os eventos nacionais e internacionais mais importantes da atualidade. Mas oferece também informações específicas da região parisiense, em seções como “Île-de-France & Oise”. 

Na imprensa regional, vemos também os chamados fait divers, ou seja, acontecimentos como assaltos, incêndios e crimes que são de interesse prioritariamente da população local. Ou seja, esses eventos não possuem consequências diretas na vida política nacional.

Outros exemplos de jornais regionais: 

💡Leia também: Como ler em francês? 4 passos simples

Revistas francesas 

Ao contrário dos jornais, as revistas são periódicas (chamadas inclusive de périodiques). Elas não são publicadas todos os dias, mas uma vez por semana, quinzena ou mês. 

O conteúdo não se compromete necessariamente com notícias imediatas e pode ser mais variado, com entrevistas, análises, retratos, reportagens, ensaios fotográficos, etc. 

Algumas revistas são especializadas em um tema específico, como o esporte, a música, a ciência ou a vida das celebridades, por exemplo.

Alguns périodiques famosos na França são:

A mídia independente na França

Alguns meios de comunicação são independentes. Sendo assim, eles funcionam sem ligação direta aos grandes grupos de comunicação. 

Recentemente, foi traçado um mapa dos meios de comunicação na França. Ele mostra que 90% da imprensa francesa é gerenciada por um número muito pequeno de bilionários. Esses dados levantam muitos questionamentos na França sobre o monopólio da informação e, mais uma vez, sobre a liberdade de expressão.

Por essa razão, há muitas iniciativas de criação de jornais independentes e gratuitos, aceitando constribuições livres de leitores e apoiadores diversos. Exemplos: 

Os canais de televisão franceses

A televisão, ou simplesmente la télé, é popular na França entre públicos de faixas etárias muito diferentes: crianças e pessoas com mais de 50 anos. Esse é o resultado de uma pesquisa feita pelo blog du modérateur.

Isso se explica, entre outras coisas, pelo crescente consumo das redes sociais entre adolescentes e adultos franceses. Mas, ainda de acordo com a mesma pesquisa, a maioria dos lares na França ainda possui um aparelho de televisão na sala.

Existem cerca de vinte canais com bastante audiência na França. Sobre o conteúdo deles, você poderá encontrar todos os tipos de transmissões ao vivo, reportagens, documentários, séries, filmes, etc. Se você não estiver na França, não se preocupe, você pode acessar facilmente alguns trechos de programas no canais Youtube de canais como: 

Podcasts e rádios francesas

A Radio France é uma estação de rádio pública extremamente popular na França. 

🎧 Aconselhamos fortemente que você baixe o aplicativo da Radio France no seu celular. Nele, você poderá ouvir conteúdos gratuitos e de qualidade dentro de canais temáticos, como France Inter, France Culture, France Musique e FIP. 

RTL é uma estação de rádio privada, mas que também é muito popular entre os franceses. Ela oferece um aplicativo para você ouvir transmissões ao vivo de alguns programas. 

Assim como no Brasil, muitos franceses adoram o formato podcast! Existem produções sobre os mais variados temas. Por isso, deixamos aqui dois links para você encontrar seus podcasts preferidos:

💡Leia também: Como melhorar sua compreensão oral em francês

Redes sociais e motores de busca: 

Roberta e Emil gravando vídeo para o canal Afrancesados no Youtube

Hoje, na França, a busca por notícias online é mais alta do que a busca por notícias offline (TV, imprensa escrita, rádio). Além disso, o telefone celular é o principal meio escolhido pelos franceses para ler ou assistir às notícias todos os dias.

Aqui estão as redes sociais mais usadas pelos franceses em 2022, segundo o BDM:

  1. YouTube;
  2. Facebook;
  3. Instagram; 
  4. Snapchat; 
  5. Pinterest; 
  6. TikTok. 

Na maioria dessas redes sociais, você pode usar palavras-chave em francês para encontrar influencers, personalidades ou profissionais do seu interesse.

Os motores de busca ainda são muito utilizados quando se trata de encontrar a resposta a uma pergunta, uma curiosidade, um tutorial, etc. O Google é de longe o mais popular na França, seguido pelo Bing e o Yahoo.fr. Recentemente, muitos franceses andam testando o ChatGPT. Ele ainda é muito novo e controverso para os consumidores franceses.

Dica importante: para obter informações em sites franceses, vá em “Configurações de pesquisa” no Google, mude o país para “França” e o idioma dos resultados para “francês”.

A partir de todas essas fontes, escolha seus meios de comunicação e seus temas preferidos para fazer uma verdadeira imersão diária na cultura e na língua francesas!

Ah, antes de ir embora, que tal um presente? 

🎁Acesse nosso Minicurso de Francês Gratuito. Com ele, você terá acesso aos princípios do Método Afrancesados e dará seus primeiros passos rumo ao domínio do Francês da Vida Real ®.

🚀Para ir mais longe, inscreva-se no Curso de Francês Método Afrancesados® com nossos dois professores Roberta (brasileira) e Emil (francês). Eles te levarão para uma imersão na língua e cultura francesas, através de um método único, progressivo e completo para você dominar o Francês da Vida Real®.

Leave a Reply

Your email address will not be published.